TV ESPINHOSA – Parece que os órgãos de controle despertaram para investigar o governo Gladson Cameli; operação na Saúde pode ser a primeira de muitas

Não é revanchismo ou algo parecido.

É constatação.

Tendo dito, reiteradamente, que o governo Gladson Cameli não resiste à meia-hora de investigação séria.

Digo isso porque há indícios de corrupção para onde você olha.

Tem gente que não ganha dez mil reais líquidos, comprando carros de luxo de quase duzentos mil reais.

Mansões são erguidas como se dinheiro brotasse da terra.

Felizmente, parece que começaram a investigar.

Tomara, meu Deus, tomara, que continuem investigando e prendendo.

A TV Espinhosa está no ar.

Sextou!

E sextou com a Polícia Federal desencadeando a Operação End of Times.

Parece nome de série na Netflix.

Esse End of Times é a mesma coisa que fim dos tempos.

A operação visa investigar irregularidades na contratação de empresa responsável pela limpeza de UTIs no Into-Covid.

As primeiras informações revelam que a empresa foi contratada por meio de muita sujeira.

Não houve limpeza na contratação.

Essa operação é apontada apenas como a ponta do iceberg.

Há muitas outras irregularidades sendo apuradas capazes de afundar o Titanic governamental.

Sinceramente, nada me surpreende dentro da atual administração.

Tenho feito várias denúncias.

Pessoas foram presas a partir do que o Espinhoso aqui denunciou.

A minha última denúncia foi sobre fatos escandalosos que ocorrem na Secretaria de Licitações e Contratos.

O que é surpreendente é a passividade dos órgãos de controle e até dos partidos de oposição.

São claros os indícios de cometimento de irregularidades em todas as secretarias.

Denúncias pipocam, mas os órgãos de controle permanecem praticamente inertes.

Como pode ser encarado normal o festival de dispensa de licitação e as caronas nesse governo?

É absolutamente irracional fechar os olhos para a República de Manaus que se instalou no Acre.

Desde que tomou assento na cadeira de governador, Gladson Cameli abriu as porteiras para a corrupção, ao fatiar o seu governo.

Ao ser confrontado com os escândalos na Secretaria de Estado de Educação, o governador “determinou” que a Controladoria-Geral do Estado fosse fazer auditoria na pasta.

Foram encontradas diversas aberrações.

Mas, com tudo sobre o controle na mídia e na omissão de quem deveria fiscalizar, a auditoria virou orelha de freira, fezes de alma.

Essa Operação de hoje é um alento.

Que sejam feitas outras operações porque há coisas maiores a ser mexidas.

A corrupção não pode ser a vencedora.

Creio que o governador, que é candidato declarado à reeleição, não terá vida fácil.

O povo perdoa muitas coisas.

Mas não coaduna com quem fecha os olhos para roubo de dinheiro da merenda escolar, das criancinhas, e da Saúde pública.

Falando em Saúde, Gladson viajou com passagens e diárias pagas pelo dinheiro público para fazer exames em São Paulo.

Quem pode, pode.

Quem não pode, se sacode.

=======

Essa vai doer

=======

Discreto, o vereador Rutênio de Sá tocou num assunto que está sofrendo blecaute na imprensa do Estado.

Falo do péssimo serviço oferecido e os valores abusivos cobrados pela Energisa.

Com investimento altíssimo em propaganda, a Energisa deu um apagão nas críticas.

Praticamente todos os órgãos de comunicação foram eletrizados pelo dinheiro da empresa e deixaram a população do escuro para reivindicar.

O vereador colocou o dedo onde pode causar um curto-circuto.

Mas a sua fala não vai eletrizar muita gente.

O que é uma pena.

======

Fui.

=====

Vida que segue.

=====

Se quiser e puder, contribua com o Espinhoso.

A chave Pix está no fim do vídeo.

Tchau, forte abraço e um cheiro do Rosas.

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:
Close Bitnami banner
Bitnami