TV Espinhosa – O grande enganador diz que não precisa da política, mas já pensa nos próximos 12 anos

Não é segredo para ninguém que o governador do Acre é especialista em patranha.

Em lorota.

Mas, de todas as patranhas, que é o mesmo que mentira, a maior é que ele não precisa de política para viver.

Ele precisa e muito.

Só não enxerga quem não quer ver.

Vamos falar sobre isso?

A TV Espinhosa está no ar.

Quem o conhece há muito tempo sabe que Gladson Cameli sempre sofreu de laborfobia.

Esse pavor ao trabalho acabou levando-o à política.

Política é uma área que pessoas como ele não precisam laborar.

Basta falar e ter o dom de enganar.

Eleito deputado federal a primeira vez em 2006, Gladson Cameli não fez outra coisa na vida desde então.

Na verdade, não se tem conhecimento de que fizesse algo útil antes disso.

Desde então, vive em função da politica.

Ele foi eleito para exercer o primeiro mandato de deputado federal aos 29 anos.

Hoje, aos 43 anos, já planeja os próximos doze anos, sempre na política.

Nas contas de Gladson Cameli, ele será reeleito em outubro do próximo ano.

É dado como certo que terá o deputado federal Flaviano Melo, do MDB, como o seu companheiro de chapa.

Sim, o morubixaba Flaviano Melo é o mais forte candidato a vice na chapa de Gladson Cameli.

Pode escrever.

Sem ambições futuras, Flaviano daria a tranquilidade para Gladson deixar o governo em 2026 a fim concorrer a uma vaga ao Senado.

A arrogância do governador não permite que enxergue um êmulo capaz de lhe fazer frente nas eleições do próximo ano.

Ele é filaucioso o suficiente para crer que nenhum adversário terá condições de competir e vencer.

Olha, é triste admitir, mas, se a oposição continuar sonolenta e os órgãos de controle não tomarem as providências contra os desmandos, não será difícil Gladson Cameli concretizar os seus planos.

Isso mesmo: ele pretende terminar o atual mandato, usufruir de mais três anos do próximo até ir para os oito anos no Senado.

Gladson Cameli, é de longe um dos piores governadores da história.

Mas é o mais protegido pela imprensa.

Ele tem uma blindagem incrível, enquanto o Acre mergulha profundamente no atraso.

Faz campanha politica antecipada confortavelmente, sem haja qualquer denúncia contra a antecipação do processo eleitoral.

Quem está no poder é, naturalmente favorito.

Quanto se está no poder sem adversários com coragem para confrontar, o favoritismo torna-se ainda maior.

Iniciei falando sobre a capacidade incrível de Gladson para não falar a verdade.

Recentemente, numa reunião com os partidos aliados, declarou que, se não tiverem todos unidos, ele tem a opção de ir cuidar das empresas da família dele.

Essa foi demais…

Dificilmente o seu pai teria a mesma coragem que teve a maioria dos eleitores acreanos.

Gladson está distante de ser um bom governador, mas não podemos negar que é um grande enganador.

========

Essa vai doer

=======

Que o governador se atrapalha com a língua portuguesa, todos sabemos.

Ele não consegue juntar duas frases, numa clara demonstração de sintoma de dislexia.

O que pouco sabem é que o homem é capacitado em fluência inglesa.

Ele teria adquirido essa fluência na Internacional School of English, na Inglaterra.

Thank You!

Fui.

Vida que segue.

Se quiser e puder, contribua para o Espinhoso se manter afiado.

A chave Pix está no fim do vídeo.

Tchau, forte abraço e um cheiro do Rosas.

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:
Close Bitnami banner
Bitnami