Tudo em família: Gladson exonera prima, mas nomeia esposa do tio para a Assistência Social do Estado

Tudo em família: Gladson exonera prima, mas nomeia esposa do tio para a Assistência Social do Estado

Essa família é muito unida mesmo. Principalmente quando se trata de ganhar cargos públicos.

O Diário Oficial de hoje trouxe a exoneração da assistente social Claire Cameli do comando da Secretaria de Assistência Social, Direitos Humanos e de Políticas para as Mulheres.

Prima do governador Gladson Cameli, a agora ex-secretária não ficou na chuva, pois será acomodada como adjunta na Secretaria de Planejamento e Gestão.

Para o posto da prima, Gladson foi buscar um nome da própria família.

Trata-se da senhora Ana Paula Lopez Lima, que é esposa do seu tio Rezene Filho.

Rezene Filho é irmão de outro tio do governador acomodado no governo, o secretário de Indústria e Comércio, Anderson Abreu.

Ana Paula Lima reside há um bom tempo tem Brasília. Apresenta-se como assessora de orçamento e finanças na Câmara dos Deputados.

Formada em pedagogia na Universidade Federal do Acre, também trabalhou no Procon.

Antes da nomeação, a tia por afinidade de Gladson estava lotada e nomeada no gabinete da deputada federal Vanda Milani (Solidariedade).

Leonildo Rosas

Related Posts

Educação de Cruzeiro do Sul mostra como Marcio Bittar deve ser tratado por  chamar professores de privilegiados

Educação de Cruzeiro do Sul mostra como Marcio Bittar deve ser tratado por chamar professores de privilegiados

Não foi por bom senso: Gladson recua nas pinturas de prédios e espaços público por medo de ações judiciais

Não foi por bom senso: Gladson recua nas pinturas de prédios e espaços público por medo de ações judiciais

Empresas de primos do governador faturam R$ 36 milhões para duplicar  estrada do aeroporto de Cruzeiro do Sul

Empresas de primos do governador faturam R$ 36 milhões para duplicar estrada do aeroporto de Cruzeiro do Sul

Preso pela PF em operação no Amazonas, empresário acreano se dizia nas redes sociais contra a corrupção

Preso pela PF em operação no Amazonas, empresário acreano se dizia nas redes sociais contra a corrupção

No Comment

Deixe uma resposta