Rocha diz que a Segurança está à disposição de Gladson Cameli, caso o governador resolva rever acordo

Sempre arrogante nos pronunciamentos públicos, o vice-governador Wherles Rocha (PSDB) baixou um pouco a crista, em nota publicada em sua página no Facebook.

Rocha disse ter maturidade suficiente para não ingressar em crise fabricada, embora tenha sido a sua irmã, a deputada federal Mara Rocha, quem espatifou o ninho.

Numa aparente humildade, o que foge à sua característica, o major disse que, da sua parte, não há nenhum rompimento com Cameli.

Cameli declarou que pretende ele mesmo comandar as ações da Segurança Pública, depois de receber críticas de Mara Rocha.

Sobre o assunto, o vice revelou houve um acordo firmado no momento da fechamento da chapa, mas frisou que está à disposição de Cameli caso ele queira rever esse acordo.

“Não há de minha parte qualquer intenção de brigar para continuar ou não respondendo pela Segurança”.

De forma pouco sútil, o vice-governador alfineta o governador, que fez a nomeação de diversos parentes para ocupar cargos comissionados.

Rocha, ao contrário de Cameli, garante não ter ninguém.

“Para quem quiser conferir, basta olhar as nomeações de cargos comissionados no governo do Estado para constatar que não tenho nenhum parente entre as mesmas. Logo, não sou eu ou minha família que estamos pressionando quem quer que seja por cargos”.

Essa história ainda vai render bons capítulos.

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:
Close Bitnami banner
Bitnami