Projeto polêmico sobre anel viário pela Irineu Serra retorna à pauta; governador disse que pretende realizar a obra

No início de 2011, o então diretor-presidente do Deracre, Marcus Alexandres, queria construir, com o aval do governador Tião Viana, o anel viário a partir da vila Custódio Freire, passando pela comunidade Irineu Serra, até a estrada de Porto Acre.

Na verdade, estrada Irineu Serra é o prolongamento da Custódio Freire.

Integra o anel viário de Rio Branco quando de sua concepção original, há mais de 25 anos.

Esse trecho, ha muito tempo, está quase que completamente asfaltado, faltando pouco menos de cinco quilômetros.

O projeto estava em discussão e elaboração.

As obras seriam executadas levando-se em conta as particularidades da região.

Todas as movimentações, porém, foram interrompidas porque os moradores do Irineu Serra se posicionaram contra.

Não queriam sofrer os impactos com o fluxo intenso de veículos na região.

No bairro estão instalados importantes centros da cultura do Santo Daime, em particular o Centro de Iluminação Cristã Alto Santo.

Naquele momento, em 2011, foi travada uma grande polêmica quanto à decisão de concluir o asfaltamento.

Ficaram, de um lado, os moradores da Vila Custódio Freire, defendendo a pavimentação.

Dispuseram-se a fechar a BR 364, por entender que a obra traria inúmeros benefícios à comunidade.

No polo oposto ficaram os moradores da região conhecida como Alto Santo, lugar onde morou Raimundo Irineu Serra, criador da doutrina religiosa que utiliza ayahuasca em seus rituais.

Esse grupo também ameaçou fechar a própria estrada para impedir o acesso das máquinas, com utilização de paredes humanas.

Passados oito anos, o projeto volta à tona.

Sem procurar o diálogo, recentemente, o governador Gladson Cameli anunciou que irá construir o anel viário.

A notícia ainda não ganhou dimensão, provavelmente porque o governo não dispõe nem de projeto e muito menos de recurso.

Resta saber como se comportarão as comunidades.

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:
Close Bitnami banner
Bitnami