Pessoas podem morrer porque governo Gladson Cameli não renovou contrato com empresa responsável por cirurgias do coração

Haja coração para aguentar tanto descaso.

Desde as primeiras horas de hoje, o governo do Estado está sem contrato com a empresa responsável pela realização de procedimentos de cateterismo, angioplastia e cirurgia cardíaca.

Vidas estão em risco.

Neste instante, ao menos 12 pacientes estão no Hospital de Urgência e Emergência de Rio Branco (Huerb) esperando para fazer cateterismo.

Por conta da omissão do Estado, no início do ano, pacientes morreram por falta de atendimento, inclusive um primo do governador Gladson Cameli.

Até o fim de 2010, o Acre não contava com serviços de procedimentos cardíacos.

O serviço foi implantado pelo governador Tião Viana e realizou cerca de nove mil procedimentos, salvando milhares de vidas.

O retrocesso chegou.

Sem contrato, a empresa responsável não pode fazer os procedimentos.

Essa é uma atitude que pode ser considerada criminosa e merece apuração rigorosa do Ministério Público, que não tem agido com o devido rigor.

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:
Close Bitnami banner
Bitnami