Moradores de Xapuri pagam até 20 reais para ir e vir de um lado ao outro do rio

O Corpo de Bombeiros vetou o funcionamento da balsa em Xapuri por medida de segurança.

Sem alternativa, a população está fazendo a travessia de maneira ainda mais insegura e cara.

Proprietários de pequenas balsas estão fazendo a festa.

Cobram R$ 5 por moto e o dobro por carro.

Ir e vir de um lado ao outro do Rio não sai por menos de R$ 10.

Um aliado do deputado Antônio Pedro chegou a afirmar que a população não pagaria nada.

Não disse a verdade.

A agonia da balsa em Xapuri é antiga e se agravou a partir de janeiro.

O governador Cameli prometeu uma ponte.

O secretário de Infraestrutura, Thiago Caetano, se regozija com a construção de uma ponte em Rondônia.

No interior do Acre, não consegue solucionar o problema de uma balsa.

E ninguém fiscaliza a travessia insegura.

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:
Close Bitnami banner
Bitnami