Líder do governo na Aleac fala o que quer, mas recusa-se a ouvir os servidores da Saúde

Capacidade de ouvir e de dialogar não é marca do governo Gladson Cameli, que vem se caracterizando por atropelar o regimento interno da Assembleia Legislativa e à Constituição Estadual.

Hoje, o líder de Cameli na Aleac, Gehlen Diniz deu demonstração do pouco caso que a administração estadual tem com o servidor público.

Servidores que questionam o projeto de terceirização Saúde foram recebido no plenário do Legislativo pelo presidente em exercício, Jenilson Leite, e demais deputados.

Diniz fez uma longa explanação, mas tratou de se retirar na hora que os servidores começaram a falar, numa clara demonstração de falta de respeito.

Jenilson Leite repudiou a atitude e declarou que foi “uma afronta à democracia”.

Veja o vídeo: https://youtu.be/Gw4VBfQNVmM

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:
Close Bitnami banner
Bitnami