Leo de Brito volta a cobrar a recomposição do orçamento das universidades e institutos federais

Assessoria

O deputado federal Leo de Brito (PT-AC) fez diversos questionamentos ao ministro da Educação Milton Ribeiro, durante audiência na Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara dos Deputados nesta quarta-feira, 4.

A audiência foi proposta por Leo de Brito afim de esclarecer suspeita de favorecimento a instituições de ensino por parte do Ministério da Educação.

O parlamentar acreano cobrou o ministro da Educação a recomposição do orçamento das universidades e institutos federais. Os cortes no orçamento atingiram as 69 universidades federais do país, totalizando 18,16%, o equivalente a 1.000.943.150 (um bilhão, novecentos e quarenta e três mil, cento e cinquenta reais) em relação a 2020.

Desmonte da educação

Leo de Brito que é professor do curso de Direito da Universidade Federal do Acre (UFAC), lamentou o desmonte da educação pública e o enfraquecimento da autonomia das universidades e ressaltou a importância dessas instituições de ensino para a formação e o desenvolvimento da sociedade e da soberania brasileira.

“Foi muito importante essa convocação do ministro Milton Ribeiro para explicar na Comissão de Fiscalização Financeira e Controle diversos pontos relacionados à educação, entre eles a suspeita de favorecimento a algumas instituições de ensino, que inclusive estão sendo investigadas, como é o caso do Centro Universitário Filadelfia, mas também fizemos cobranças relacionadas as universidades e institutos federais, que nesse momento estão sofrendo e precisam da recomposição de seus orçamentos para que funcionem com qualidade, falamos das dificuldades que os alunos estão tendo de acesso a bolsas de assistência estudantil e outras bolsas, e cobramos a implementação da lei que obriga o governo federal a disponibilizar internet tanto para alunos, quanto para professores da rede pública de forma gratuita, são cobranças que estamos fazendo em prol da educação do nosso país e do nosso estado”, finalizou.

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:
Close Bitnami banner
Bitnami