Jenilson Leite ataca política de segurança e se solidariza com profissionais do Samu

Foto: Jardy Lopes

O deputado estadual Jenilson Leite (PSB) durante seu pronunciamento na tribuna da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac) , nesta quarta-feira (4), criticou a falta de segurança no Acre e se solidarizou com os funcionários do Samu que foram assaltados e feitos reféns durante uma hora, na capital do estado. Segundo relatos, além de terem sido feitos reféns, os criminosos ainda deixaram eles nus. ” Durante a campanha o governo, em especial o vice-governador( pessoa incumbida pela área), prometeu resolver o problema da segurança em dez dias. Mas até agora a única coisa fez de crédito foi mudar os secretários da pasta de segurança e desfilar com as viaturas, contudo, os problemas apenas se agravam”, afirmou.

Quero aqui registrar minha solidariedade aos funcionários do SAMU, principalmente àqueles que foram vítima da criminalidade que aterrorizam o nosso estado. “Não é admissível que qualquer cidadão seja aterrorizado pelo crime organizado, imaginem funcionários do Samu que estão ali para prestar socorro às vítimas. Aonde vamos parar com isso?”.

Para o parlamentar, é preciso que a Secretaria de Segurança Pública tome providências imediatas. ” Não adianta fazer desfile com viaturas e trocar secretário, além de proferir discurso bonito, se a criminalidade continua tocando o terror em solo acreano. Precisamos é ações concretas”.

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:
Close Bitnami banner
Bitnami