Incra tem 10 dias de prazo para esclarecer ao MPF sobre exigências de vestimentas para acesso à sede no Acre

Incra tem 10 dias de prazo para esclarecer ao MPF sobre exigências de vestimentas para acesso à sede no Acre

Placa afixada na entrada do prédio proíbe acesso de pessoas com roupas consideradas “inadequadas” pela chefia do órgão

O Ministério Público Federal (MPF) instaurou um procedimento para apurar a responsabilidade sobre a existência de uma placa na sede do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) em Rio Branco, capital do Acre.

Segundo foto postada em redes sociais, a superintendência do Incra proíbe o acesso de quem estiver trajando roupas como “shorts, calções, bermudas, camiseta regata, minissaias, miniblusa, ou roupas transparentes ou com decote acentuado”.

O procurador da República Lucas Costa Almeida Dias oficiou ao superintendente do Incra pedindo que ele explique, em 10 dias, qual fundamento normativo baseou as proibições expostas na placa e encaminhe cópias das deliberações, portarias ou procedimentos administrativos que fundamentaram a afixação do aviso.

O superintendente também deverá explicar ao MPF com qual verba orçamentária a placa foi confeccionada. O procurador responsável pelo caso avaliará quais as medidas a serem tomadas após a resposta do Incra.

Leonildo Rosas

Related Posts

Procurador Sammy Barbosa envia recomendação para que governo evite reprimir manifestação democrática marcada para sábado

Procurador Sammy Barbosa envia recomendação para que governo evite reprimir manifestação democrática marcada para sábado

MPF pede que Justiça determine prazo para efetivação da regularização fundiária da Gleba Novo Destino, em Manoel Urbano

MPF pede que Justiça determine prazo para efetivação da regularização fundiária da Gleba Novo Destino, em Manoel Urbano

MPF e MPAC querem responsabilização de Bolsonaro e autoridades federais por crimes contra a saúde pública durante inauguração de ponte sobre o Rio Madeira

MPF e MPAC querem responsabilização de Bolsonaro e autoridades federais por crimes contra a saúde pública durante inauguração de ponte sobre o Rio Madeira

MPF recomenda que Iapen aprimore o cadastro de indígenas em presídios no Acre

MPF recomenda que Iapen aprimore o cadastro de indígenas em presídios no Acre

No Comment

Deixe uma resposta