Governo Cameli aproveita o coronavírus para iniciar a terceirização da Saúde no Acre

Governo Cameli aproveita o coronavírus para iniciar a terceirização da Saúde no Acre

Parece algo inocente e sem maiores complicações futuras, mas o governo do Estado está aproveitando o estado de calamidade provocado pelo coronavírus para, sem licitação, implantar a terceirização da Saúde acreana.

Circula nas redes sociais uma propaganda da empresa Mediall Brasil Gestão em Saúde oferecendo empregos para vários profissionais em Saúde.

São profissionais para atuar na linha de frente no combate à Covid-19.

A empresa que está contratando não tem contrato com o governo.

Em várias localidades do Brasil, ela trabalha em sintonia com a Organização Social Instituto Brasileiro de Gestão Hospitalar (IBGH).

O esquema funciona da seguinte forma: o IBGH é contrato pelo governo e assina contrato com a Mediall.

Essa IBGH já foi acusada de participar de esquema milionário de corrupção no Tocantins. Veja aqui.

O governo Gladson Cameli vem tentando terceirizar a Saúde há muito tempo. Trouxe a ex-secretária de Saúde Mônica Kanaan com essa finalidade.

Kanaan tinha vínculo com o chefe da Representação do Acre em Brasília, Ricardo França. Não é descartada a possibilidade de ainda estarem atuando juntos

Sem contrato oficial, a Mediall já está dentro das instalações do INTO. Um dos sócios da empresa, o médico oncologista Hilton Rinaldo Salles Paccelli, está no comando das operações.

É bom os sindicalistas, parlamentares e órgãos de controle ficarem atentos com o que virá. O vírus da corrupção tem que ser sempre controlado.

Leonildo Rosas

Related Posts

Não foi por bom senso: Gladson recua nas pinturas de prédios e espaços público por medo de ações judiciais

Não foi por bom senso: Gladson recua nas pinturas de prédios e espaços público por medo de ações judiciais

Empresas de primos do governador faturam R$ 36 milhões para duplicar  estrada do aeroporto de Cruzeiro do Sul

Empresas de primos do governador faturam R$ 36 milhões para duplicar estrada do aeroporto de Cruzeiro do Sul

Preso pela PF em operação no Amazonas, empresário acreano se dizia nas redes sociais contra a corrupção

Preso pela PF em operação no Amazonas, empresário acreano se dizia nas redes sociais contra a corrupção

Licitação com emenda de Marcio Bittar e indícios de carta marcada foi suspensa após matéria publicada no Portal do Rosas

Licitação com emenda de Marcio Bittar e indícios de carta marcada foi suspensa após matéria publicada no Portal do Rosas

2 Comments

Deixe uma resposta