Gladson volta ao Progressistas e se sente confortável com aglomeração em plena pandemia

Gladson Cameli não é respeitado. E não é por obra do acaso.

A falta de respeito pelo governador do Acre é justamente porque ele não cumpre o que fala.

Hoje, em pleno horário de expediente, Cameli voltou a colocar em prática “faça o que eu digo, não o que faço”.

Para marcar o retorno ao seu partido, o Progressistas, Gladson não ficou constrangido com a aglomeração.

Despeitar as regras de isolamento social e sanitárias é praxe na conduta do governador.

Durante a campanha eleitoral do ano passado, em diversas oportunidades, Cameli dançou sem máscara e participou de atos públicos com muita gente.

Para ser respeitado, o líder precisa dar exemplo.

O problema é que Gladson Cameli está longe de ser líder. É um político que vem se preocupando muito mais em salvar votos do que vidas.

As imagens fora capturadas do site acjornal.com

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:
Close Bitnami banner
Bitnami