Gladson fez o que poucos poderiam imaginar: por decreto cortou as viagens em 50%

A ordem é cumprir as metas fiscais. Para isso, Gladson Cameli parece disposto a deixar de fazer com a frequência de sempre: viajar.

Em decreto publicado na edição extra do Diário Oficial do Estado, o governador “determinou” a redução de 50% das despesas com viagem nacional e internacional (diárias e passagens) para servidores a serviço do Poder Executivo Estadual, excetuadas aquelas realizadas para a prática de atos e providências na manutenção.

Embora seja governador e vice-governador, Gladson Cameli e Wherles Rocha, respectivamente, são servidores públicos r devem ser alcançados pela regra, pois, juntos, receberam quase R$ 500 mil em diárias, no ano passado.

A redução das viagens faz parte das medidas de controle das despesas primárias correntes.

Veja as medidas:

I – redução de 30% do consumo de energia elétrica e aluguéis;

II – redução de no mínimo 30% das despesas com o uso de telefonia fixa;

III – redução de 50% das despesas com viagem nacional e internacional (diárias e passagens) para servidores a serviço do Poder Executivo Estadual, excetuadas aquelas realizadas para a prática de atos e providências na manutenção das atividades essenciais;

IV – redução de 30% de gastos com combustível e locação de veículos, com exceção dos órgãos e entidades pertencentes à estrutura da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública – SEJUSP, no caso das viaturas, e da Secretaria de Estado de Saúde – SESACRE, no caso das ambulâncias;

V – redução de 30% dos gastos com contratos de prestação de serviços.

Segundo o decreto, para o cálculo das reduções de despesa e de consumo previstas deverão ser considerados a despesa empenhada e o consumo relativos ao exercício financeiro de 2019.

Veja o decreto aqui.

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:
Close Bitnami banner
Bitnami