Gladson Cameli e comitiva gastam milhares de reais em diárias para aprender a pagar incêndio na Europa

Esse governador do Acre é um gênio. Inventa cada coisa que até os sábios duvidam.

Em meio a uma das maiores crises ambientais da história, Gladson Cameli, simplesmente, está com viagem marcada para a cidade onde nasceu Albert Einstein.

Cameli e uma comitiva robusta irão na bela cidade de Ulm, na Alemanha.

Ficará nove dias andando pela Europa, pois também compromisso em Brescia, na Itália.

Tudo custeado pelo contribuinte acreano.

Cada viajante receberá mais de R$ 15 mil em diárias.

O motivo da viagem de Cameli, do chefe da Casa Civil, Ribamar Trindade, e tantos outros seria risível, se não saísse tão caro aos combalidos cofres públicos.

Para se ausentar do país rumo ao velho continente, o governador alegou que irá fazer visita tecnológica ao Centro de Excelência de Combate ao Fogo.

Isso mesmo, o governador que concedeu autorização para os produtores desmatarem e queimarem, vai à uma fábrica especializada em fabricar caminhões para combater incêndios.

A Magiru, realmente, está na vanguarda da tecnologia de combate a incêndios.

A empresa tem uma gama abrangente de caminhões de bombeiros, escadas, veículos de resgate e equipamentos de bombeamento de última geração. Este ano, a marca comemora os seu 155 anos.

Como tem interesse em vender, o normal seria os seus representantes virem ao Acre oferecer. Ou, na pior das hipóteses, bancar os custos da comitiva acreana.

Gladson Cameli disse, reiteradas vezes, que está se divertindo no governo. Não é para menos, pois o Acre está se tornando um grande circo.

Está na hora de a oposição e os órgãos de controle agirem para apagar o fogo deste rapaz viajante.

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:
Close Bitnami banner
Bitnami