Gladson Cameli ataca de Papai Noel e promete presentes para todas crianças do Acre que enviaram cartas aos Correios

Menos de uma semana após ter dado um presente de grego aos servidores públicos, com a aprovação do pacote de maldades do governo na Assembleia Legislativa, Gladson Cameli ataca de Papai Noel.

Filaucioso, o governador do Acre afirmou que pediu todas as cartas das crianças encaminhadas aos Correios e disse que ele mesmo dará os presentes.

Cameli, inclusive, declarou que consultou à Procuradoria-Geral do Estado (PGE) par ver a legalidade do ato com marca de proselitismo político.

Mesmo sem dizer se a PGR deu parecer favorável ou não, o governador declarou: “Já mandei comprar”.

Ora, até onde é de domínio público, os Correios ainda estão recebendo as carrinhas das crianças carentes. O governador, portanto, não sabe o que foi pedido.

Cheio de boça, o governador disse: “Vou dar tudo o que eles pediram”.

Bem, até agora a palavra de Gladson Cameli não foi encarada com muita seriedade pelos adultos.

Há que diga que a sua palavra vale tanto quanto um risco n’água.

Prometer e não cumprir para as crianças é algo grave. Que ele cumpra, mas que seja dentro da legalidade.

Omissos desde o início do ano, os órgãos de controle têm o dever de acompanhar essa história natalina.

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:
Close Bitnami banner
Bitnami