Foi engano? Exoneração de João Paulo Setti pode ser mais uma “barrigada” do governo

O governador Gladson Cameli levou ao Diário Oficial, em edição extra, a exoneração do procurador-geral do Estado, João Paulo Setti.

O fato logo ganhou as manchetes dos principais sites locais.

Ocorre que a exoneração pode ter sido mais uma “barrigada” da bagunçada administração Cameli.

Segundo fonte do Portal, o governador dever tornar sem efeito o decreto de exoneração.

João Paulo Setti vem fazendo uma administração cheia de controvérsias.

Chegou a ser acusado pelo assessor do governo Edmar Monteiro Filho de participar da chamada “Máfia dos Precatórios”.

Esse suposto envolvimento serviu de base para o vice-governador Wherles Rocha, no exercício da governadoria, lhe exonerasse.

Setti foi reconduzido ao cargo pelo governador titular, que fez rasgados elogios à sua gestão.

Hoje, antes do Natal, veio a outra exoneração.

Será que foi engano mesmo?

Até agora está valendo a exoneração.

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:
Close Bitnami banner
Bitnami