“Está tudo dominado”, diz vice-governador do Acre sobre órgãos de controle

A postagem não mereceu o destaque necessário na imprensa local, mas a declaração foi forte e grave.

Por está atrelada ao governo por milhares de motivo, a maioria da imprensa acreana calou-se diante da acusação feita pelo vice-governador do Acre, Wherles Rocha (PSL), aos órgãos que deveriam ser os guardiões da Constituição e da leis.

Rocha foi as suas redes sociais e escreveu: “Antes que os amigos me perguntem, já vou logo dizendo, fiquem tranquilos que no Acre, se depender dos órgãos de controle, tá tudo dominado”.

Como assim dominado?

Não podemos mais acreditar no Ministério Público Federal e Estadual?

É uma declaração preocupante, partindo de uma das maiores autoridades do Estado.

Rocha escreveu a frase na postagem em que, ironicamente, parabeniza o senhor Júlio Cézar Moura de Farias, conhecido como Roxinho, para o cargo de diretor Financeiro da falida Companhia de Habitação do Acre (Cohab-AC).

“No governo Cameli não precisa desse negócio de nível superior e notório conhecimento na gestão, basta ser amigo ou familiar que tá tudo certo. Isso sem falar que o próprio governador pode atestar a competência do Roxinho”, escreveu.

Segundo o vice-governador, a nomeação confronta-se com a Lei Complementar 255/2018, Art. 63), que exige nível superior ou notório conhecimento para ocupar esse tipo de cargo.

Pelo silêncio, não há que se duvidar do domínio bradado por Rocha.

 

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:
Close Bitnami banner
Bitnami