Dispensa de licitação de R$ 2 milhões na Saúde gera desconfiança entre empresários

A suspeita está no ar.

O cheiro é mais forte do que éter.

Uma dispensa de licitação para aquisição de mais de R$ 2 milhões em medicamentos está sendo posta sob suspeição por empresários acreanos.

A suspeita é que haja interesse em beneficiar empresa do Amazonas.
O governo decretou estado de calamidade na saúde para poder agir sem o que determina a legislação. Mas essa aquisição, segundo um forte empresário do setor, está demorando mais do que se tivesse sido realizada por meio de um processo licitatório.

É que o governador Cameli assinou decreto mudando as regras para as cotações de preços nos âmbito da administração pública estadual. Três terços das empresas pesquisadas têm que se de outros estados.

Os empresários acreanos já pensam em denunciar aos órgãos de controle.

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:
Close Bitnami banner
Bitnami