Diretor do Huerb ganha diretoria com prêmio à incompetência; unidade pode ser administrada por mais uma importada pela secretária

No momento em que o Estado vive uma carência gigante de profissionais de medicina, o governador Gladson Cameli tira um médico da linha de frente para acomodá-lo no conforto da burocracia.

Desastroso na direção do Hospital de Urgência e Emergência de Rio Branco (Huerb), o médico Welber de Lima e Silva foi premiado pela incompetência com o cargo de diretor na Secretaria de Estado de Saúde.

Será o responsável pela Diretoria de Assistência.

A retirada de Lima e Silva do (Huerb), porém, esconde, segundo fonte, a importação de mais uma profissional de outro estado pela secretária Mônica Kanaan.

É voz corrente nos corredores da secretaria que o principal hospital de urgência e emergência do Estado será administrado por mais uma amiga de Kanaan.

Desde que assumiu os destinos da Saúde estadual, a médica Kanaan passou pouco dias no Acre. Tem viajado constantemente.

Em cada retorno traz na bagagem alguém para formar a sua equipe.

Age com desconfiança em relação aos acreanos e demonstra desacreditar que exista pessoas competentes por essas terras de Galvez, Plácido de Castro e Chico Mendes.

Autorizada por Gladson Cameli, a secretária militarizou a Saúde, acomodando dois militares amigos de seu esposo em subsecretarias estratégicas.

Desde então, segundo servidores e fornecedores, o tratamento tem sido na ponta do coturno.

As medidas adotadas por ela e, principalmente, a declaração de que 80% dos servidores que não querem trabalhar serão dizimados, causaram revolta entre os trabalhadores.

O clima é tenso na Saúde.

O sindicato ameaça greve para o início de agosto.

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:
Close Bitnami banner
Bitnami