Deputado Leo de Brito cobra plano de ação para a volta às aulas com segurança e a divulgação da lista de pessoas já vacinadas para evitar privilégios e “fura fila”

O deputado federal Leo de Brito (PT-AC) manifestou nesta segunda -feira, 25, por meio de vídeo publicado em suas redes sociais, a preocupação com a baixa quantidade de vacinas recebidas do governo federal, pouco mais de 45 mil doses chegaram ao Acre, que tem mais de 800 mil habitantes.

O parlamentar acreano cobrou mais transparência do poder público em relação a divulgação da lista de vacinados, e se estas pessoas atendem aos grupos prioritários, como preconiza o Minstério da Saúde.

Leo de Brito disse que vai acionar a justiça, a exemplo do que foi feito em Manaus, para que os nomes dos vacinados sejam apresentados para conhecimento da população o mais rapidamente possível. “A imprensa local já divulgou indícios de privilégios e “fura filas” nos hospitais do Acre, não podemos permitir que isso aconteça, é preciso radicalizar na transparência desses dados”, disse Leo de Brito.

O deputado do PT do Acre demonstrou preocupação também com o processo de volta às aulas, anunciado recentemente pelo prefeito Tiao Bocalom para o dia 8 de fevereiro, e que após polêmica voltou atrás. Algumas escolas particulares em Rio Branco iniciaram o ano letivo nesta segunda-feira.

Leo cobrou do governo e prefeituras, um plano de ação que garanta o retorno com segurança. “É preciso que seja apresentado à sociedade um plano de ação para que as crianças possam voltar com segurança para as escolas, isso inclui melhorias nas estruturas físicas, vacina para professores e alunos, aquisição de EPIs, entre outras medidas, me coloco a disposição para ajudar no que for preciso”, finalizou Leo de Brito.

Veja o vídeo:

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:
Close Bitnami banner
Bitnami