Daniel Zen cobra investigação em ações do governo contra pandemia da covid-19

Da Assessoria

Com denúncias apresentadas pelo deputado estadual Daniel Zen, o Partido Dos Trabalhadores (PT) entrou com pedido de investigação sobre supostas irregularidades nas obras e no funcionamento do Hospital de Campanha e da Unidade Covid do INTO, no Acre.

Os órgãos acionados foram o Ministério Público Federal (MPF), o Tribunal de Contas da União (TCU) e a Controladoria Geral da União (CGU). Zen e o Partido querem que as instâncias competentes abram um inquérito civil público.

O parlamentar falou da ação nesta terça-feira, 7, em sessão on-line da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac). “A ideia não é atribuir erro a alguém, nesse momento. o nosso objetivo é alertar para fatos que precisam ser melhores fiscalizados, pegar o depoimento de todas as pessoas para evitar contradições. Para, assim, que a gente consiga entender se de fato existem irregularidades nas obras do Hospital de Campanha e da Unidade Covid do INTO”, disse Daniel Zen .

O deputado Daniel Zen esclareceu que serão investigados fatos relacionados ao mal funcionamento destas unidades hospitalares e a baixa execução dos recursos destinados pelo Governo Federal ao Governo do Acre, além de suposto pagamento de propina por parte de empresa privada à diretora executiva do Departamento de Estradas e Rodagens, Infraestrutura Hidroviária e Aeroviária do Acre (Deracre), nas obras no INTO e Hospital de Campanha.

Ainda na Aleac, o deputado afirmou também que surgiu um áudio com acusações referente a Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre), que já foi devidamente encaminhado para perícia e análise de veracidade das informações.

O acompanhamento das ações de combate à pandemia da covid-19 no Acre têm sido temas nas propostas e debates feitos por Daniel Zen. Nas últimas sessões, o parlamentar tem insistido na importância de criar uma Comissão Especial para fiscalização do governo. Principalmente, após o próprio titular da Sesacre informar que o Estado executou apenas R$ 16 milhões, o equivalente a 26%, do montante R$ 61 milhões de repasses do Governo Federal para combate a pandemia.

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:
Close Bitnami banner
Bitnami