CAOS NA SAÚDE: Com o risco de falta oxigênio, pacientes com Covid de Tarauacá serão transferidos para Cruzeiro do Sul

É grave muito grave a situação no Hospital Doutor Sansão Gomes, em Tarauacá.

O risco de falta oxigênio para atender cerca de 10 pacientes internados com Covid-19 é real e imediato.

Os pacientes serão transferidos para o Hospital Regional do Juruá, que não dispõe de leitos para acomodar as pessoas atingidas pelo vírus.

Uma fonte do Portal mandou a seguinte mensagem: “Hospital daqui não tem mais oxigênio e os pacientes vão todos para Cruzeiro”.

Outra fonte nega que o oxigênio tenha acabado, mas alerta: “Ainda não acabou, mas está acabando. Amanhã vai alguns pacientes”.

A falta de oxigênio nos hospitais do interior do Acre era esperada, haja vista que os casos de Covid não param de crescer.

A direção da unidade confirma a transferência, destacando que e o número de pacientes de graves a moderados é alto.

Ainda segundo a direção, o paciente que não evolui e necessita de oxigênio para melhorar a saturação é regulado. Ou seja: transferido.

A falta de oxigênio é negada, embora haja a confirmação do grande volume de pacientes que têm dado entrada no hospital.

“Não dá para manter o tratamento em Tarauacá”, admitiu uma fonte.

Em Feijo, município a 48 km de Tarauacá, a tendência é que o caos também se instale.

Mensagem de uma profissional em Saúde revela a gravidade: “Sim! Tem muitos internados com Covid e dengue. Ainda temos oxigênio. Mas os tempos bons ficaram no passado. Muito travado hoje em dia”.

O Acre deve chegar a 1.000 mortos por Covid neste domingo.

Na quinta-feira, o jornalista Raimundo Aciolly publicou aviso da diretora do Hospital Doutor Sansão Gomes, Laura Pontes, que demonstra o caos na Saúde do município.

Veja a postagem:

Foto: Eliaquim Araújo.

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:
Close Bitnami banner
Bitnami