Calamidade na Saúde é prorrogada por mais noventa dias

E a admissão de incompetência continua..

O Diário Oficial de hoje traz decreto assinado por Gladson Cameli prorrogando por mais 90 dia o estado de calamidade no sistema público de saúde.

O prazo pode ser prorrogado por igual período.

Nos cinco primeiros meses do ano o caos fez morada nas unidades de saúde.

Faltam profissionais, medicamentos e equipamentos.

O Sindicato dos Médicos, em duas notas, fez críticas duras aos gestores públicos.

Denúncias de corrupção chegaram ao conhecimento da sociedade, tendo homem de confiança do secretário supostamente recebido R$ 100 em propina.

O processo seletivo para contratação de pessoal foi cancelado porque o Portal do Rosas denunciou um verdadeiro festival de irregularidades.

São mais 90 dias para o governo dispensar licitação e fugir das imposições legais.

O que está faltando para os órgãos de controle agirem é o que ninguém sabe.

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:
Close Bitnami banner
Bitnami