Boato de Invasão de facções em escolas provoca pânico na comunidade escolar; aulas foram encerradas mais cedo

O pavor chegou às salas de aula da rede pública de ensino.

Em pelo menos duas escolas as aulas foram encerradas mais cedo por ameaça de invasão de organizações criminosas.

No horário da manhã, alunos da Escola Edilson Façanha, no Bairro Calafate, foram liberados porque houve boatos de que criminosos iriam invadir e matar alunos.

Teve uma grande correria no local.

Agora à tarde, o boato chegou no bairro Manoel Julião, na Escola João Aguiar.

O tumulto foi da mesma proporção.

Às 15h30 os estudantes foram liberados.

A sensação de insegurança é grande.

Autoridades do governo disseram que resolveriam o problema em 10 dias, mas pouco foi feito.

Para piorar, o governo trabalha com a possibilidade de extinguir a Secretaria de Polícia Civil, o que pode aumentar o caos.

Até agora não houve posicionamento oficial das secretarias de Educação e Segurança Pública sobre as possíveis invasões às escolas.

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:
Close Bitnami banner
Bitnami