Atraso de 12 anos – Governo Cameli anuncia abertura para o Pacífico; estrada está inaugurada desde 2007

Há momentos em que é melhor rir para não se desiludir.

Sem resultado concreto da reunião do Conselho de Administração da Suframa, a assessoria do governo criou muitas histórias irreais.

A primeira é que Gladson Cameli seria o presidente do Conselho de Administração , quando na verdade quem preside é o ministro da Economia, Paulo Guedes.

A segunda é ainda mais risível e maltrata a história.

Leia a manchete produzida pela Agência de Notícias: “Governo investirá R$ 2,3 bilhões na Amazônia e abertura para o Pacífico está incluída”

Vamos por parte.

Em momento algum é feita a citação de como esses R$ 2,3 bilhões serão aplicados e quanto tocará ao Acre.

O mais patético: a abertura para o Pacífico.

Essa é o tipo de notícia que chega com 12 anos de atraso.

A Estrada do Pacífico foi, na parte brasileira, inaugurada em 2007, no governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Foi quando houve a conclusão das obras de asfaltamento. A estrada começou a funcionar plenamente, com todos os trechos asfaltados no lado peruano, em dezembro de 2010.

A construção da Estrada do Pacífico começou oficialmente em 2002, mas a maior parte das obras tiveram início entre 2003 e 2005.

Em 2006 foi inaugurada a ponte ligando o Acre ao Peru, na fronteira entre os municípios de Assis (Brasil) e Inãpari (Peru).

Fraudar a história é feio.

Passa da hora de o governo Cameli mostrar as sua realizações.

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:
Close Bitnami banner
Bitnami