A pedido de advogado acreano, CNMP desarquiva processo contra Dellagnol

O advogado acreano Erick Venâncio Lima do Nascimento foi um dos responsáveis pelo desarquivamento de uma representação contra o procurador da República Deltan Dallagnol e membros da Lava Jato, no Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP).

Nascimento assinou o pedido junto com Leonardo Accioly da Silva. Ambos são indicados pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

A representação para instaurar sindicância contra integrantes da força-tarefa da Lava Jato com base em reportagens com supostos diálogos atribuídos ao procurador Deltan Dallagnol e seus colegas e também ao ex-juiz federal e hoje ministro da Justiça, Sérgio Moro, fora arquivada, no dia 28 de junho, pelo corregedor do CNMP, Orlando Rochadel Moreira.

Segundo Moreira, a veracidade dos elementos de prova não poderiam ser comprovadas, além de não ser possível verificar adulterações.

Rochadel Moreira também entendeu que não havia elementos que justificassem a abertura de reclamação disciplinar contra os procuradores.

Na mesma sessão, o CNMP rejeitou um recurso de Dallagnol.

O processo foi aberto em abril, após pedido do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli.

Esse caso se refere à entrevista a uma rádio na qual Deltan afirmou que alguns ministros do STF “mandam uma mensagem muito forte de leniência a favor da corrupção”.

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:
Close Bitnami banner
Bitnami