Governo e grupo de Mara Rocha encontraram o caminho para descascar o abacaxi político na produção, garante fonte

A fonte é quente.

Garante que o governador Gladson Cameli e o grupo da deputada Mara Rocha já conseguiram se acertar no território da produção.

O latifúndio de cargos, inclusive, teria sido dividido para não causar mais confusão no campo político.

Realmente o pecuarista Fernando Zamora, indicado por Rocha, irá para a Secretaria de Produção e Agronegócio (Sepa).

A nomeação não será pelo notório conhecimento na área. Mas por ser grão-mestre na maçonaria.

Como desconhece a máquina burocrática, Zamora terá ao seu lado o advogado Sérgio Bayum, que trabalhou no Incra e na AGU.

Não pense que o empresário de cemitério Paulo Wadt ficará chupando o dedo, será enterrado.

Quem está quase com o pé na cova é o atual superintendente do Ministério de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Luziel Carvalho.

Wadt deverá ser deslocado para comandar o Mapa no Acre.

Esse é o desenho.

Mas nesse governo tudo muda para ficar do mesmo jeito.

Até agora o governo tem se mostrado especialista em produzir crise e abacaxi político.

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:
Close Bitnami banner
Bitnami