Em vez de trabalhar, Bocalom viaja novamente e emite nota de solidariedade ao povo de Rio Branco

Não é piada. E, se fosse, seria uma piada muito sem graça.

Quando nos deparamos com situações como essa, fica a indagação: em que planeta algumas pessoas vivem.

O personagem em questão é o prefeito de Rio Branco, Tião Bocalom (Progressistas).

Assentado no cargo há dois meses, Bocalom arranjou emprego, empregou um monte de amigos e não produziu nada.

Rio Branco vive sob os efeitos de uma grande enchente, mas o prefeito sumiu, escafedeu-se.

Nenhuma ação coordenada pelo prefeito merece destaque. O que é lamentável.

Como se ainda fosse prefeito de Acrelândia, Bocalom finge que os problemas da capital não lhe dizem respeito.

É tanto que tem mais uma viagem marcada para Brasília, onde ficará uma semana sob o pueril argumento de que vai tentar captar recursos.

Em vez de estar coordenação ações, o homem da vaca mecânica foi à sua página no Facebook escrever uma ridícula nota de solidariedade ao povo de Rio Branco.

Sim, o prefeito, em vez de estar trabalhando, vai viajar e se diz solidário com as pessoas que lhe deram emprego.

Veja a nota de um prefeito sem noção:

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:
Close Bitnami banner
Bitnami