Não foi a longa espera que incomodou profundamente o primeiro-secretário do DEM no Acre, Paulo Ximenes, na sua recente ida à Casa Civil barganhar cargos para o partidos.

O que lhe teria magoado foi a seguinte frase pronunciada pelo chefe da Casa Civil, Ribamar Trindade: “Só tem CEC 1”.

A CEC 1 é pouco mais de R$ 1 mil.

A maioria dos cargos mais alto já foi ocupada prioritariamente pelos parentes dos dirigentes partidários mais graduados e por detentores de mandato.

Na reforma administrativa, Cameli previu apenas 900 CEC.

Economizou embaixo, mas aumentou em cima.

Criou mais de 40 diretorias, com salários que podem chegar a R$ 16 mil, e 88 chefias de departamentos, com salários médios de R$ 8 mil.

Bem ao seu estilo falastrão, Ximenes saiu do gabinete dizendo: “Brigamos para ser Gladson. Agora, vamos brigar pelos espaços que o partido merece na estrutura”.

Só tem CEC 1, Ximenes!