Se quiserem acessar parte dos R$ 450 milhões em crédito extra para desastres naturais, prefeituras terão que apresentar plano de trabalho

Se quiserem acessar parte dos R$ 450 milhões em crédito extra para desastres naturais, prefeituras terão que apresentar plano de trabalho

O presidente Jair Bolsonaro anesta segunda-feira uma medida provisória liberando R$ 450 milhões em crédito extraordinário para que ações de proteção e defesa civil comandadas pelo Ministério do Desenvolvimento Regional.

A MP foi editada após um pedido do senador Marcio Bittar (MDB), do Acre, para atender o Estado que é atingido por enchentes desde a semana passada.

O ato foi publicado em edição extra do Diário Oficial da União pouco depois das 20h.

Ao contrário do que estão querendo fazer parecer, o recurso não é todo para o Acre. É para atender aos estados e municípios que sofrerem desastres naturais.

E não é fácil acessar o dinheiro.

Segundo o Ministério do Desenvolvimento Regional, o valor destinado ao Estado vai depender do plano de trabalho a ser apresentado por cada município, já que os recursos são liberados sob demanda e a partir da análise da documentação envivada pelas prefeituras.

Veja a matéria completa aqui.

Leonildo Rosas

Related Posts

Sérgio Petecão fala sobre suposta “sala de morte” em hospital acreano

Sérgio Petecão fala sobre suposta “sala de morte” em hospital acreano

Bancada federal do Acre garante que trouxe R$ 129,3 milhões para Gladson combater a Covid

Bancada federal do Acre garante que trouxe R$ 129,3 milhões para Gladson combater a Covid

Bancada federal do Acre garante que trouxe R$ 129,3 milhões para Gladson combater a Covid

Bancada federal do Acre garante que trouxe R$ 129,3 milhões para Gladson combater a Covid

Leo de Brito ingressa com ação no STF contra censura a professores feita pelo governo Bolsonaro

Leo de Brito ingressa com ação no STF contra censura a professores feita pelo governo Bolsonaro

No Comment

Deixe uma resposta

Encontre-nos

Horário
Segunda—sexta: 9h–17h
Sábados e domingos: 11h–15h