Prefeita Socorro Neri determina reforço na atenção básica em Saúde

Prefeita Socorro Neri determina reforço na atenção básica em Saúde

Assessoria

Por determinação da prefeita Socorro Neri, a Prefeitura de Rio Branco continua investindo em saúde. Para isso, contratou médicos recentemente e investe em tecnologia para fortalecer a Estratégia da Saúde da Família, na atenção primária, em 57 unidades distribuídas na zona urbana e rural da cidade.

Nesse momento de pandemia decorrente do novo coronavírus a Unidade de Referência da Atenção Primária (URAP) Francisco Roney Meireles, localizada no Conjunto Adalberto Sena, está disponibilizando serviços de acolhimento e atendimento médico de segunda à sábado. Na área de pediatria o atendimento é as segundas, terças e quartas.

Estão disponibilizados também serviços de farmácia, vigilância epidemiológica, regulação, vacina, teste do pezinho, atendimento odontológico de emergência, coletas de exames, teste rápido, hiperdia, pré-natal e medicação. O gerente da unidade Josué Aguiar, destacou que as determinações da prefeita Socorro Neri são no sentido de assegurar o atendimento na ponta, nas unidades de saúde que ficam perto da casa do cidadão. 

A Prefeitura por meio da Secretaria Municipal de Saúde, segundo o gerente da URAP, busca potencializar o atendimento que não foi paralisado, que trabalha com a perspectiva estendê-lo para alcançar o maior número de pessoas. Isso, porque, existe um processo organizacional que possibilita o atendimento em todas as unidades.

Josué lembrou da importância da vacinação contra Influenza, do uso obrigatório de máscara para quem precisa se deslocar, com o reforço de cuidados pessoais como lavagem das mãos a cada viagem realizada.  “A imunização não protege contra o novo coronavírus, mas é uma maneira de resguardar contra as demais doenças respiratórias”, ponderou.

Leonildo Rosas

Related Posts

Médica cardiologista Paula Mariano é confirmada como secretária de Saúde do Estado

Médica cardiologista Paula Mariano é confirmada como secretária de Saúde do Estado

Governo dispensa licitação de R$ 36,6 milhões em favor da Mediall Brasil; processo correu em menos de um mês

Governo dispensa licitação de R$ 36,6 milhões em favor da Mediall Brasil; processo correu em menos de um mês

Lei de Edvaldo Magalhães que autoriza contratação de médicos formados no exterior é sancionada

Lei de Edvaldo Magalhães que autoriza contratação de médicos formados no exterior é sancionada

Edvaldo defende derrubada do veto parcial sobre o projeto que visa a contratação de médicos brasileiros formados no exterior

Edvaldo defende derrubada do veto parcial sobre o projeto que visa a contratação de médicos brasileiros formados no exterior

No Comment

Deixe uma resposta