“O silêncio do governador é do tamanho da sua falta de palavra”, desabafa filha de Antônia Lúcia

Quando a palavra de um homem cai no descrédito, a sua credibilidade vai junto.

Aos poucos, os antigos e novos aliados vão descobrindo que honrar o que diz não é o forte do governador Gladson Cameli.

Ele costuma bradar. “Eu disse, está dito”.

Mas, na prática, fica o dito pelo não dito.

O Determinador está determinado a cair no descrédito.

A mais recente desencantada é a filha da suplente de deputada federal Antônia Lúcia (PR).

Gabriela Câmara usou a sua conta no Facebook para descascar Cameli.

Segundo ela, não há defeito pior numa pessoa do que não ter palavra.

“No homem, então, é detestável, é, no mínimo, covarde. Pobre de espírito. Mesquinho. Ingrato”.

Câmara lembrou que, no último sábado, durante um programa de Rádio, o governador recebeu um questionamento que parece não ter sido capaz de responder.

Ele foi questionado por que a presidente estadual do PR, economista Antônia Lúcia e seu grupo político não foram convidados para compor o governo.

O grupo de Antônia Lúcia, que obteve mais de 15 mil votos, elegeu um deputado estadual. O PR, segundo Câmara, é uma sigla orgânica e organizada nos 22 municípios.

Em letras garrafais, Gabriela Câmara escreveu: “O silêncio do governador é do tamanho da sua falta de palavra”.

Em pouco mais de quatro meses, o governo e a credibilidade de Cameli desidratam.

Essa desidratação só beneficia a quem está do seu lado, só esperando o momento certo de dar o bote.

Deixe uma resposta

Next Post

Derrota na Justiça - Governador terá que renomear chefes de departamentos da Ageac

ter maio 14 , 2019
Não foi por falta de aviso. No dia 9 de abril, o deputado Edvaldo Magalhães […]
%d blogueiros gostam disto: