O coronavírus não faz distinção: Covid-19 matou policial militar e presidiário no mesmo dia

O coronavírus não faz distinção: Covid-19 matou policial militar e presidiário no mesmo dia

De forma trágica, a Covid-19 demonstra que é democrática.

Não escolhe cor, raça credo ou condição social.

Isso pode ser comprovado no 30° e 31º óbitos provocados pelo novo coronavírus no Acre.

Em 24 horas morreram um detento do complexo penitenciário do Acre e um policial militar.

O detento era José Francisco Rodrigues Nunes, 51 anos.

O policial atendia pelo nome de Francisco Olimpio Lima, 62 anos.

A morte do detento deve acender a luz vermelha dentro das penitenciárias do Acre. O governo parece desconsiderar que existem várias casos confirmados dentro do sistema. 

E não são apenas presos.

Vários policiais penais contraíram o vírus e muitos temem trabalhar no mesmo espaço. 

Faz-se necessário que o governo adote as medidas necessárias. 

Os casos de novo coronavirus só aumentam no Estado. 

Leonildo Rosas

Related Posts

Fome no Brasil: em 5 anos, cresce em 3 milhões o nº de pessoas em situação de insegurança alimentar grave, diz IBGE

Fome no Brasil: em 5 anos, cresce em 3 milhões o nº de pessoas em situação de insegurança alimentar grave, diz IBGE

Com exército dividido e sem ações de governo para mostrar, apoio de Gladson atrapalha mais do que ajuda

Com exército dividido e sem ações de governo para mostrar, apoio de Gladson atrapalha mais do que ajuda

Maioria das cédulas apreendidas na casa do cunhado de Gladson foi sacada na Caixa Econômica Federal, banco pagador da Aleac

Maioria das cédulas apreendidas na casa do cunhado de Gladson foi sacada na Caixa Econômica Federal, banco pagador da Aleac

Acre está entre os estados investigados por uso irregular do recurso destinado à Covid-19

Acre está entre os estados investigados por uso irregular do recurso destinado à Covid-19

No Comment

Deixe uma resposta

Colunistas

Encontre-nos

Endereço
Av. Paulista, 123456
São Paulo, SP, CEP: 01311-300

Horário
Segunda—sexta: 9h–17h
Sábados e domingos: 11h–15h