Marido e mulher morrem de complicações causadas pela Covid-19 no intervalo de nove dias

Marido e mulher morrem de complicações causadas pela Covid-19 no intervalo de nove dias

Zenilda e Geraldo eram servidores públicos do INSS e da SEE, respectivamente

Em menos de 10 dias, a Covid-19 matou marido e mulher em Rio Branco. Ambos eram servidores públicos.

No dia 9 deste mês, a servidora do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) Zenilda do Valle foi a óbito.

O seu esposo, Geraldo Lopes Vitoriano, ficou internado lutando pela vida.

Servidor da Secretaria de Estado de Educação, Geraldo faleceu hoje.

O Acre caminha para os 600 óbitos pelo novo coronavírus.

Segundo dados da Secretaria de Estado de Saúde, o Acre tem 23.146 pessoas infectadas, com 591 óbitos.

Hoje à tarde, o Comitê de Acompanhamento Especial da Covid-19 vai anunciar a nova classificação de risco da pandemia.

Leonildo Rosas

Related Posts

Decreto Municipal de Rio Branco que libera atividades religiosas caracteriza “erro grosseiro”, dizem MPF e MPAC

Decreto Municipal de Rio Branco que libera atividades religiosas caracteriza “erro grosseiro”, dizem MPF e MPAC

Acreanos fura-fila vão à Boca do Acre se vacinar contra Covid-19

Acreanos fura-fila vão à Boca do Acre se vacinar contra Covid-19

Uma vergonha: Acre recebeu 163,5 mil doses  de vacina, mas só aplicou 62,1 mil

Uma vergonha: Acre recebeu 163,5 mil doses de vacina, mas só aplicou 62,1 mil

Na contramão do país, Acre patina na vacinação contra a Covid-19, diz Folha de S.Paulo

Na contramão do país, Acre patina na vacinação contra a Covid-19, diz Folha de S.Paulo

No Comment

Deixe uma resposta