Hedislande Gadelha, o polêmico militante de rede social, foi exonerado

Aconteceu o que o Portal do Rosas adiantou.

Cameli não aguentou a pressão e exonerou o militante das redes sociais Hedislande Gadelha.

O decreto de exoneração está no Diário Oficial de hoje.

A nomeação para ocupar uma CEC 6, na Secom, ocorreu na sexta-feira.

Ao levar o nome de Gadelha ao Diário Oficial, Cameli foi alvo de ataques de todos os lados, principalmente de aliados que dormem e acordam pensando numa nomeação.

Gadelha, porém, não ficará desamparado.

Essa é a promessa.

Deixe uma resposta

Next Post

Haja coração! Pessoas estão morrendo por omissão do Estado em procedimentos cardíacos

seg mar 25 , 2019
Paulo Messias Sales precisava de um cateterismo, a rede pública não tinha como fazer, ele […]
%d blogueiros gostam disto: