Gladson Cameli volta a colocar trabalhadores da Saúde em xeque

Calado, o governador Gladson Cameli é um Carlos Drumond de Andrade.

Em entrevista que concedeu ao site da família da sua secretária de Comunicação, Cameli revelou que suspeita de irregularidades na folha de pagamento do Estado.

A afirmação pode muito bem ser para tirar de foco o fato de que ultrapassou, há muito tempo, o limite prudencial de gastos com pessoal determinado pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

Com a suposta auditoria, o governador talvez queira fugir do crime de responsabilidade, pois a sua reforma administrativa é ilegal.

Nula de pleno direito.

Mesmo com a folha inchada, o rapaz continua nomeando.

Mas é estranha essa suspeita de Cameli.

Ele acabou de alçar a responsável pelo controle da folha de pagamento ao posto de supersecretária.

Prima do deputado federal Flaviano Melo, a engenheira Maria Alice incorporou as secretarias de Administração e Planejamento, transformada em Seplag.

Agora vem, segundo a matéria no site, o motivo que levou o governador a suspeita de irregularidades na folha de pagamento: os valores pagos aos servidores da Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre).

“Nessa folha de pagamento tem um furo, com toda a certeza. Eu estou desconfiando de tudo”, declarou.

A folha da Saúde gira em torno de R$ 30 milhões/mês.

Tem sido constantes as declarações do rapaz sobre possíveis irregularidades na Saúde estadual.

Semana passada falou sobre a existência de um possível cartel.

Quem sabe a investigação na folha seja o passo para o desmonte do esquema.

Mas dificilmente os profissionais em Saúde ficarão quietos.

Os órgãos de controle continuam em silêncio, enquanto a população grita por falta de atendimento nos hospitais.

Deixe uma resposta

Next Post

Auditores fiscais irão cobrar posição de secretária da Fazenda sobre o motivo das substituições nos postos de fiscalização

sex Maio 31 , 2019
O auditor fiscal Luiz Calixto informou que vai chamar os demais colegas para, na segunda-feira, […]
%d blogueiros gostam disto: