Ex-comunistas Zequinha e Henrique podem ter Gladson, Petecão e Jorge Viana no palanque

Ex-comunistas Zequinha e Henrique podem ter Gladson, Petecão e Jorge Viana no palanque

As eleições municipais  deste ano colocarão no mesmo palanque adversários históricos no âmbitos estadual e nacional.

Isso porque a formação de chapas para disputar as 22 duas prefeituras acreanas tem se tornado um verdadeiro samba do criolo doido.

Questões paroquiais se sobrepõem às de cunho de maior relevância.

Mesmo assim, difícil para um cidadão comum compreender como um mesmo palanque pode comportar o peso de personalidades opostas nos campos político e ideológico.

Essa salada fica mais aparente em Rio Branco, maior cidade do Acre, onde o governador Gladson Cameli virou as costas para os seus tradicionais aliados e decidiu apoiar a eleição da prefeita Socorro Neri.

Digo eleição porque a prefeita não foi eleita para o cargo que ocupa.

Ela herdou o mandato do petista Marcus Alexandre, que se desincompatibilizou do cargo para disputar o governo do Estado.

Será a primeira vez que, pelo crivo do voto, Socorro Neri poderá ser eleita ou não. 

Se em Rio Branco a situação está confusa, nos demais municípios a mistura é ainda mais heterogênea.

A partir do dia 16, quando as convenções forem finalizadas, será possível verificar os monstros ideológicos que foram paridos.

O fim da Frente Popular do Acre obrigou os partidos a procurarem novos caminhos, a fazerem rearranjos.

É tempo de menos ideologia para poder sobreviver, o que enfraquece a democracia e a politização.

Nesses rearranjos e alianças poucos prováveis em outros tempos, vale mencionar Cruzeiro do Sul, a segunda maior cidade do Acre.

Nesta quarta-feira, Gladson Cameli anunciou que irá marchar com a chapa formada por Zequinha Lima e Henrique Afonso. 

Zequinha é do Progressistas. Henrique é filiado ao PSD, cuja maior liderança é o senador Sérgio Petecão.

Os candidatos contarão com o apoio do PT, partido do ex-governador Jorge Viana.

Nessas coisas e viradas que só os movimentos da políticas podem explicar, Zequinha e Henrique, que começaram a trajetória política no PC do B, poderão ter no mesmo palanque Gladson Cameli, Sérgio Petecão e Jorge Viana.

São os tempos em que vivemos…

Leonildo Rosas

Related Posts

Temendo perder emprego, secretários de Gladson tratam de declarar apoio a Socorro Neri

Temendo perder emprego, secretários de Gladson tratam de declarar apoio a Socorro Neri

PCdoB declara apoio à chapa PT-PSOL e fala em recomeço de sonhos e ideias

PCdoB declara apoio à chapa PT-PSOL e fala em recomeço de sonhos e ideias

Daniel Zen ganha reforço do PC do B para a disputa da prefeitura de Rio Branco

Daniel Zen ganha reforço do PC do B para a disputa da prefeitura de Rio Branco

Com exército dividido e sem ações de governo para mostrar, apoio de Gladson atrapalha mais do que ajuda

Com exército dividido e sem ações de governo para mostrar, apoio de Gladson atrapalha mais do que ajuda

No Comment

Deixe uma resposta

Colunistas

Encontre-nos

Endereço
Av. Paulista, 123456
São Paulo, SP, CEP: 01311-300

Horário
Segunda—sexta: 9h–17h
Sábados e domingos: 11h–15h