Cameli insiste em não falar a verdade.

A sua entrevista hoje, no Sistema Público de Comunicação, foi para fazer qualquer “Venâncio” descer.

Demonstrando muito mais do que falta de conhecimento, o rapaz voltou a afirmar que necessita de autorização do Confaz para reduzir o ICMS da energia elétrica.

É mentira.

O Portal do Rosas já mostrou mais de uma vez que essa autorização é desnecessária.

Cameli parece querer aplicar um gato político-populista.

Essas redução pode partir de iniciativa dele, basta querer.

O problema é a perda de receita. Também há imposições da Lei de Responsabilidade Fiscal.

É bom Cameli começar a clarear a sua mente com a luz da verdade.