Derrota na Justiça – Governador terá que renomear chefes de departamentos da Ageac

Não foi por falta de aviso.

No dia 9 de abril, o deputado Edvaldo Magalhães (foto) fez indicação para o governo Gladson Cameli exonerar os diretores e chefes de departamentos da Agência Reguladora do Acre (Ageac).

Magalhães solicitou, ainda, que fossem restituídos aos seus cargos os chefes de departamentos, cujos mandatos fixos de quatro anos não haviam expirados.

Cameli preferiu ignorar a recomendação.

Não fez por amor, terá que fazer pela dor.

O Tribunal de Justiça do Acre, por meio da desembargadora Waldirene Cordeiro, concedeu liminar para que Francisco Calixto da Rocha seja reconduzido ao cargo de chefe do Departamento Executivo de Administração e Finanças.

Outros prejudicados também foram à Justiça e devem ter êxito semelhante.

“Eu havia alertado e denunciado a supressão de seus mandatos e indiquei ao governador que corrigisse o erro. Agora fará por força de uma decisão judicial”, comentou Magalhães.

Foto: Sérgio Vale.

Deixe uma resposta

Next Post

A dura análise de Sanderson Moura sobre o governo de Cameli

ter maio 14 , 2019
O conhecido advogado Sanderson Moura surpreendeu a todos nesta terça-feira, 14, ao disparar sua bazuca […]
%d blogueiros gostam disto: