Deputado Edvaldo Magalhães cobra o Executivo o envio da peça orçamentária para 2021

Deputado Edvaldo Magalhães cobra o Executivo o envio da peça orçamentária para 2021

Assessoria

Foto: Sérgio Vale

Nesta quarta-feira (30), o deputado Edvaldo Magalhães (PCdoB) pediu à Mesa Diretora que disponibilize até às 17 horas a peça orçamentária e seus anexos. Ou seja, a Lei Orçamentária Anual (LOA) para o exercício de 2021.

Ele pontuou que o prazo para que o Executivo envie o projeto termina nesta quarta. Magalhães destacou que debates serão travados acerca do assunto.

“Quero ter o acesso a partir das 17 horas de hoje à peça orçamentária com seus anexos. Eu gostaria que me fosse disponibilizado. Após as 17 horas, eu estarei me dirigindo à Casa. Vai ter muita discussão, muito debate entre nós, principalmente no tocante ao orçamento da Secretaria de Segurança, a respeito daqueles que estão na expectativa de entrar na Polícia Civil e Militar”, disse Edvaldo Magalhães.

Segundo ele, houve fraude na condução do processo de aprovação do Orçamento no ano passado. O parlamentar disse que foi feito um acordo para que o questionamento dele não fosse levado adiante, mediante o cumprimento dos prazos e ritos este ano.

“A condução do orçamento foi fraudada e ao final do ano, por um pedido do presidente da Casa, testemunhada pelo secretário Luiz Gonzaga e outros lideres, nós acordamos para não levar adiante o meu questionamento para que não acontecesse este ano o mesmo”, pontua.

Leonildo Rosas

Related Posts

Governador suspende o trabalho remoto de servidores a partir de segunda-feira

Governador suspende o trabalho remoto de servidores a partir de segunda-feira

Conversa com Jorge Viana: “Acredito que, para virar a página, é preciso primeiro ter feito a leitura”

Conversa com Jorge Viana: “Acredito que, para virar a página, é preciso primeiro ter feito a leitura”

Em vídeo que viralizou na internet, Gladson Cameli fala com quem não apita nada na Saúde e foi exonerado pelo próprio governador há quase um mês

Em vídeo que viralizou na internet, Gladson Cameli fala com quem não apita nada na Saúde e foi exonerado pelo próprio governador há quase um mês

Ministério Público pede extinção de Adin do CRM contra lei que permite contratação de médicos formados no exterior

Ministério Público pede extinção de Adin do CRM contra lei que permite contratação de médicos formados no exterior

No Comment

Deixe uma resposta