A causa é justa.

A empresária Patrícia Dossa voltou à sua página no Facebook para explicar sobre a comercialização de espaço na Expoacre.

A explicação convence e trata-se de uma boa causa.

Segundo ela, trata-se de um grupo de mães empreendedoras, dos quais muitas não voltaram a trabalhar fora e que aproveitam seus dons para ganhar seu dinheiro honestamente.

Esse grupo estará com um container na Expoacre 2019.

O container tem um custo de R$ 1,8 mil.

Esse valor será dividido pelas mães que quiserem expor seus trabalhos.

Segundo a empresária, as interessadas devem entrar em contato para se cadastrar na Rede de Mães Empreendedoras.

“Desculpa ter escrito o primeiro post sem muitos detalhes”.

Agora ficou explicado.

Não há irregularidades.

O controlador-geral do Estado, Oscar Abrantes Guedes, não precisará agir.