Ao escolher a ponte, moradores de Rodrigues Alves deixaram Gladson Cameli no dilema da travessia entre a verdade e a mentira

Ao escolher a ponte, moradores de Rodrigues Alves deixaram Gladson Cameli no dilema da travessia entre a verdade e a mentira

Em agosto, com comportamento típico do personagem Rolando Lero, brilhantemente interpretado pelo ator Rogério Correia, o governador Gladson Cameli passou a bola para a população de Rodrigues Alves, dizendo para os moradores decidirem, até o fim do ano, se iriam querer a construção de uma ponte sobre o Rio Juruá ou R$ 100 milhões de investimentos no município.


Ressabiados, os moradores não esperaram dezembro chegar para escolher. Semana passada, se reuniram e escolheram: querem a ponte.

A decisão da população deixa Cameli numa verdadeira sinuca de bico. Ele não tem recursos nem para fazer a ponte e muito menos para investir no município. Essa é a verdade.


A construção da ponte, é bom que se diga a verdade, não é, não foi e nunca será de responsabilidade do governo do Estado.

Por se tratar do prolongamento de uma rodovia federal, a BR-364, é obra da alçada do governo federal.


O governo federal, até que se prove o contrário, não manifestou o mínimo interesse na construção dessa ponte, principalmente por envolver um valor tão vultoso.


Quem olha com atenção o discurso disponibilizado acima, logo comprova que o governador incorporou o espírito de comediante e fez algo risível, na Câmara de Vereadores.


Ele lembrou que já existe uma ponte em Cruzeiro do Sul e assumiu o compromisso de recapear as estradas estaduais até o município.


Queria fugir da travessia da ponte.


Ano passado, fruto de uma emenda de bancada, haviam R$ 16 milhões para iniciar a construção da ponte.


O governo Michel Temer, a quem Cameli apoiou até o último dia, levou o dinheiro para outro estado.
O movimento vai continuar, mas a travessia por meio da sonhada ponte caminha para permanecer inexistente.

Leonildo Rosas

Related Posts

Gladson volta atrás novamente e renomeia militares ligados a Rocha

Gladson volta atrás novamente e renomeia militares ligados a Rocha

Alércio Dias retorna ao governo Cameli como diretor da Cageacre

Alércio Dias retorna ao governo Cameli como diretor da Cageacre

Governo publica regras para servidor público suspender empréstimos consignados

Governo publica regras para servidor público suspender empréstimos consignados

Gladson reforça o time de condenado na Justiça e nomeia irmão de Vagner Sales

Gladson reforça o time de condenado na Justiça e nomeia irmão de Vagner Sales

No Comment

Deixe uma resposta

Beco Sem Saída

Publicidade

Publicidade