A coragem dos pequenos – internos da Souza Araújo fecham a BR-364; Cameli não repassou um real à entidade

Eles avisaram. O governo não levou a sério.

Neste instante, os internos da Colônia Souza Araújo estão sob o sol escaldante, com as suas cadeiras de roda, bloqueando a BR-364.

Protestam contra o descaso da administração estadual com os hansenianos acreanos.

Passados quase três meses, Cameli não repassou um real para o Hospital.

Ano passado, mesmo com toda crise, o então governador Tião Viana aportou R$ 1.960.000,00.

Até 2010, antes de Viana assumir, o repasse anual era de R$ 960 mil.

Viana subiu para R$ 2.640.000,00.

A Souza Araújo volta a viver momentos semelhantes há 20 anos, quando o governo fechava os olhos para os excluídos socialmente.

Deixe uma resposta

Next Post

APENAS 17

seg mar 18 , 2019
Em todo Brasil, no último domingo, 17, foi organizado uma ofensiva do bolsonarismo contra o […]
%d blogueiros gostam disto: